Bozo – O palhaço está vivo!

Bozo – O palhaço está vivo!

Olá, hoje é dia de matéria especial para contar a verdade sobre a morte do triste palhaço, que fez a alegria de muitas gerações! Mas o que há por trás deste fato que gerou tanta polêmica?

"Bozo The Clown", o original norte americano

Vamos começar pelos fatos atuais para chegarmos na resposta…

 

Bozo (Bingo) no cinema

Estreou em Agosto de 2017 a Cinebiografia de Arlindo Barreto, um dos intérpretes do palhaço Bozo no programa matinal homônimo da televisão brasileira durante a década de 1980. Barreto alcançou a fama graças ao personagem, apesar de jamais ser reconhecido pelas pessoas por sempre estar fantasiado. Esta frustração o levou a se envolver com drogas, chegando a utilizar cocaína e crack nos bastidores do programa. Muito elogiado pela crítica, deve ser visto por quem gosta de cinema e também de Cultura, especialmente dos anos 1980, afinal, este palhaço não existiria em nossa época com certeza, pelos apelos irreverentes e loucuras em palco. Com a ótima direção de Daniel Rezende, que já conhecemos de “Cidade de Deus”. 
Vamos ver o que esperar deste filme:
 


Esta é a História do personagem por detrás da máscara, e que só agora podemos conhecer melhor, e tão importante quanto saber dos fatos, é interpretar estes com informações detalhadas, e para isso temos que saber a origem e tudo que envolve o mesmo para entender melhor a História… Vamos lá então, conhecer o Bozo!

Bem, agora vamos às origens do palhaço, pois poucos devem saber de onde surgiu este personagem tão marcante, que eternizou sua fama por décadas, e que ao mesmo tempo não fez nenhum ator compartilhar publicamente desta fama. Mas como assim? Vamos explicar: No caso do Bozo, o ator sempre está escondido por trás da maquiagem, o que fez com que dezenas de atores tenham representado este papel durante estas décadas de sucesso, não eternizando nenhum deles como o verdadeiro Bozo. Nossa, que triste para esses atores…

Mas vamos continuar e assistir este vídeo sobre a origem do palhaço Bozo:

Continuando, a morte do Bozo e sua origem tem que ser explicadas ao mesmo tempo, pois você já percebeu que de brasileiro o palhaço nada tem, e sua origem é norte americana, tendo sido criado em 1946 por Alan Livingston, empresário da Capitol Records, gravadora da época, e foi explorado através de discos e livros infantis. Em 1949 ocorre a estreia na TV KTTV em Los Angeles. Em 1956, Larry Harmon, um dos vários atores contratados por Livingston e Capitol Records para interpretar o Bozo em aparições promocionais, comprou os direitos do personagem, juntamente com investidores, e o transformou em uma franquia. 

"Bozo's Circus" de 1959 a 1965

"Bozo The Clown" de 1965 a 1966

Frank Avruch nasceu em 21 de maio de 1928 em Boston, Massachusetts, EUA. Ele era um ator, conhecido por Big Top Bozo (1966), Summer Solstice (1981) e eu sou grande pássaro: The Caroll Spinney Story (2014). Casado com Betty, morreu em 20 de março de 2018 em Boston. Interpretou Bozo the Clown na estação de TV WHDH de Boston de 1959 a 1970 que foi intitulada “Bozo’s Circus” de 1959 a 1965, então re-intitulado “Bozo The Clown” de 1965 a 1966 e depois para “Big Top Bozo” de 1966 a 1970.

Ah, então foi um dos atores que interpretou Bozo que morreu, mas isto não tem nada a ver com o Bozo brasileiro, pois o nosso é uma das adaptações que ocorreram em 40 países? 

Frank Avruch, "Bozo oficial", morreu em 2018

Isso mesmo, mas Frank Avruch não foi apenas mais um ator que interpretou Bozo, pois Larry Harmon produziu seu próprio show de meia hora intitulado Bozo’s Big Top, exibido pela WHDH-TV (atual WCVB-TV) de Boston, de 1965 a 1967 e estrelado por Frank Avruch, e Mr. Avruch torna-se o Bozo padrão (oficial). Mesmo Avruch tendo ficado até 1970, o programa durou até 2001 e foi reprisado depois durante muitos anos. Além disso, todos os anos, no natal a WGN-TV reprisa o Bozo, e sob autorização da Larry Harmon Pictures a WGN-TV sempre apresenta, em aparições ao vivo, o Bozo nas festas tradicionais da cidade como as paradas de ação de Graças, parada do Orgulho, paradas natalinas, pascoais, etc…

 

Mas vamos falar do Bozo brasileiro?

Foi exibido entre 15 de setembro de 1980 a 2 de março de 1991. O comediante Wandeko Pipoka foi escolhido por Larry Harmon, o dono da franquia, para ser o primeiro Bozo brasileiro do SBT, haja vista que o primeiro Bozo do Brasil foi o humorista José Vasconcellos que em 1954 fez a versão brasileira dos primeiros discos do Bozo americano.

Wandeko Pipoca, primeiro Bozo brasileiro

 

Vamos ver a abertura do Programa?

 

Com o sucesso do personagem, vários atores interpretaram o Bozo ao mesmo tempo no TVS São Paulo (atual SBT São Paulo), TVS Rio, TV Alterosa (Belo Horizonte, Minas Gerais) e TV Itapoan (Salvador, Bahia). Sua última gravação foi em 2 de março de 1991. Poucos meses após a retirada do Bozo, Décio Roberto, que já estava doente quando interpretava o Bozo, morreu aos 33 anos de idade, em 2 de novembro daquele mesmo ano, vítima de tumor cerebral. 

Então, um dos atores brasileiros também morreu, mas em 1991, coincidindo com o final programado da franquia por problemas contratuais com Larry Harmon, detentor dos direitos.

Mas perceba, à exemplo do Bozo original americano, no Brasil foram 15 atores que o interpretaram em sua carreira no SBT, do Silvio Santos, então dizer que o Bozo morreu não faz o menor sentido em qualquer país onde ele existe! 

Podemos resumir esta matéria com a conclusão de que Bozo é um personagem imortal, está vivo e pode surgir à qualquer momento pela interpretação de mais um ator talentoso para a alegria de seus fãs!

Eu sou o Mauricio SuperArlindo Barreto

Hoje revelando a vida do palhaço Bozo

Acompanhe a gente nas redes sociais, olha as opções:

 

 

 

CC BY-SA 4.0 Bozo – O palhaço está vivo! by Baú dos Antigos is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *