Fiat 147 – Sucesso no Brasil

Fiat 147 – Sucesso no Brasil

Você conhece alguém que já teve um Fiat 147? Certamente! Se não tem certeza, comece a perguntar, e vai se surpreender com o número de pessoas que tiveram o pequeno notável! E os motivos são muitos, começando pelo projeto revolucionário, oferecendo um carro pequeno, ágil, econômico e moderno para bater de frente com os carros mais gastões da época!

Fiat 147 - modelo de entrada no Brasil em 1976

 

A Fiat automóveis entrou no Brasil em 1976, e se instalou em Betim; mas como conquistar um mercado dominado pelas gigantes VW, GM, Ford e a já menos gigante Chrysler? Fácil para quem entende do assunto, pois na época a crise do petróleo atingia em cheio o bolso dos consumidores, e acabava derrubando carrões como o Maverick e o Dogde V8, que tentavam manter modelos mais econômicos no mercado e se adaptar.

soluções modernas no fiat 147 - bom porta malas estepe no compartimento do motor

Neste contexto, a Fiat explorou o 147, que veio com um motor de 1 litro transversal, que além de moderno e econômico, permitiu que o espaço interno do carrinho fosse muito bom, e também o porta-malas, que para o tamanho do carro era bem generoso. 

O segredo da maior capacidade do porta-malas foi colocar o estepe no compartimento do motor, liberando espaço e até tornando mais prática a troca de pneus quando necessária.

Não eram comuns na época motores pequenos como esse, o que à princípio causou certa desconfiança no consumidor. Mas a Fiat sabia o que estava fazendo e aos poucos as pessoas foram se acostumando com a ideia, devido à crise de petróleo. Montadoras maiores como a VW chegaram a afirmar mais tarde que não fabricariam carros com motor de 1 litro por serem insuficientes, mas acabaram cedendo e tendo nestes modelos seus maiores faturamentos.

Fiat Oggy - derivado do 147 carro para a familia - grande espaço Fiat pick-up - outro derivado do 147 Fiat pick-up: atualmente carro de colecionador

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O sucesso do 147 foi garantido pelas suas qualidades práticas, que superaram os receios, e com o tempo até serviram de base para originar modelos derivados com sua plataforma, como o Oggi, nas imagens (amarelo) e o Fiat Pick-up (marrom), entre outros modelos futuros, satisfazendo também outros segmentos de mercado. Veja o comercial de lançamento do Fiat 147:

Muito interessante o foco do comercial. Esta válvula para frenagem da traseira era muito eficiente, evitando que o carro perdesse a traseira nas frenagens mais fortes, e além disso era mecânica, e assim a Fiat mostrava que estaria trazendo inovações tecnológicas muito bem vindas numa época em que nossos carros precisavam evoluir, e muito!

Uno; sucessor do Fiat 147 em 1984 ultimos modelos do Fiat 147

 

fiat 147 lado a lado com seu sucessor, o Uno

 

 

 

 

Mas então a Fiat lançou o melhor carro da época, um carro perfeito para o Brasil? Seria perder a credibilidade falar só das qualidades do carro, pois ele veio com vários defeitos que irritavam o consumidor; se deixarmos de lado a falta de potência que tornava o carro inseguro nas estradas, vamos direto ao pior deles, que era a impossibilidade absoluta de colocar a primeira marcha em algumas ocasiões, obrigando o motorista à arrancar em segunda! E de quebra a suspensão era frágil, a barra estabilizadora e as borrachas da suspensão tinham que ser verificadas periodicamente, pois não duram muito, e a lataria enferrujava facilmente, em especial a tampa traseira. Em 1984 a Fiat percebeu que o mercado pedia algo melhor, e então lançou o Uno, que ficou em linha até 2013. Este foi um sucesso mais duradouro, com direito a uma homenagem com o lançamento do Grazie Mille no último ano (na imagem, o 147 e seu sucessor, o Uno). O Uno introduziu melhorias, como um câmbio com todas as marchas disponíveis, melhor espaço interno e aparência moderna, resolvendo em partes os problemas do 147. O Uno, por sinal, merecia uma matéria à parte, pela sua importância, mas eu gostaria da sua opinião: Você quer que seja feita uma matéria sobre o Uno? Aguardo sua resposta, comente que eu faço uma matéria especial! Participe!

3 modelos: Spazio, Fiat 147 e Uno motor com embelezamento e melhorias: colecionador

 

 

 

 

 

 

Acima vemos o Fiat em três momentos: Spazio, que não tinha novidades, só mudanças de aparência, e bem estranhas; ao lado deste vemos o Fiat 147 e seu sucessor, o Uno, que emplacou até 2013. Vemos também a paixão de colecionadores nos dias atuais, pela imagem do motor desta Pick-up, (a mesma das fotos lá no começo); este carro desfila elegância e bom gosto, aos Domingos. Para fechar a matéria, agradecemos ao Fiat Clube de Curitiba por nos proporcionar este espetáculo em alguns Domingos de manhã na Pç Afonso Botelho. 

encontro reune amantes do 147 e seus derivados

Este ano o Fiat 147 Clube de Curitiba completa 10 anos e prepara novidades para comemorar a data! E nós estaremos lá prestigiando o Clube. Confira: https://www.facebook.com/fiat147clubecuritiba/
encontro: oportunidade de colocar a conversa em dia

local de reuniao de apaixonadas pelo 147

 

Eu sou o Mauricio Super

Até breve com novidades!

 

 

 

 

 

 

 

 

CC BY-SA 4.0 Fiat 147 – Sucesso no Brasil by Baú dos Antigos is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

3 Responses so far.

  1. Wilson kiel disse:

    Gostei muito bom a materia esses meninos mais novos tem informações e também fica registrada a história parabéns

    • Obrigado Kiel, pelo comentário, isto nos dá motivação para buscar mais novidades. O Antigomobilismo no Brasil é muito carente de informações e colaboração entre os amantes do colecionismo, e para manter esta paixão temos que nos unir! Cada carro tem seu público, e todos fazem parte da História do Automóvel. Continue acompanhando e participando, isto nos deixa felizes!

    • Mauricio Nero disse:

      Obrigado Kiel. Quem fez a matéria foi o Mauricio Super hehe. Eu ajudei na divulgação 😉

      Ele que é a cabeça por trás das matérias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *