Fusca – O antigo mais querido do Brasil

Fusca – O antigo mais querido do Brasil

Olá!! Tenho percebido que continuamos tendo muitos fãs que curtem o Baú, mesmo tendo dado um tempo com os novos posts! Isso me deixa feliz, mas também constrangido por ter abandonado estes fãs que nos prestigiam. Estes dias atuais andam complicados, e acabamos desistindo de algumas coisas que gostamos. Vamos então combinar que foi uma pausa temporária para reflexão, mas vamos lutar contra isso e retomar a vida!

Então vamos lá, em respeito à você, querido fã que não desistiu, aí está um novo post para reiniciar a nossa velha conversa!

 

Nosso velho e querido Fusca

Fusca 1966 – fonte: Wikimedia commons

Muito já se falou sobre ele, e tudo que eu escrever aqui não será nenhuma novidade. Então vamos resumir alguns fatos sobre o Fusca, ver um vídeo, e depois vamos analisar nossos sentimentos quando recordamos das nossas histórias de vida que envolvem o nosso amado carrinho.

Alguns fatos sobre o Fusca – No início dos anos 1950 ele já era vendido no Brasil, mas vinha desmontado da Alemanha. É daí que vem o famoso modelo “fusca alemão”, e se tiver duas janelinhas atrás então, aí vale uma fortuna, pois são os primeiros. A produção brasileira começou em 1959. Em 1967 o motor passa a ser o 1300, e na década seguinte viriam o 1500 e 1600, e enfim encerraria a produção em 1986, mas voltaria depois, em 1993 e encerraria em definitivo em 1996, com o Fusca Itamar Série Ouro.

O tempo passou rápido, mas o amor pelo Fusca não passou, e não vai passar! E se os tempos modernos exigem mais dele, ele pode dar esse algo mais: basta você ter um projeto em mente, que ele se eterniza no Fusca! Veja este Fusca 1966 atualizado, e vai bastar para você acreditar que ele não faz parte do passado, e que continua presente na vida dos seus amantes e com muita pose! 

 

E agora? Você que é amante do Fusca, como eu sou, ficou pirado nesse projeto, não! E você que não sabia o que ele poderia lhe oferecer, achando que pertencia ao passado, mas tem grana para pensar no seu projeto exclusivo, o que está esperando? Pesquise, e verá até mesmo Fuscas elétricos rodando por aí, com incrível desenvoltura e charme! Parece que ele foi concebido para se adaptar à modernidade de cada época, e olha que o projeto é dos anos 1930, com poucas mudanças; pequeno e ágil para as cidades grandes, com espaço e conforto suficiente para pequenas viagens, e se você modernizar um pouco, aí fica perfeito, pode sair desfilando e atraindo loucos olhares de paixão!

Pra mim O Fusca é paixão em primeira pessoa, tive dois e especialmente o 1600, com caixa longa, era incrível. Viajava com ele, e fazia velocidade de cruzeiro entre 120 e 140, com todas as suas limitações. Fiz o meu projeto, deixei a suspensão reta com pneus Michelin Sport, e foquei no som, com dois módulos e dois subwoofers! Veja estas  fotos, são iguais aos que tive!

Fusca 1976 bege, cor bacana

Fusca 1300 – 1976: fonte Pastore

Este 1600 branco é muito lindo!

Fusca 1600 – 1986: fonte Pastore

Motor forte e confiável, mas beberrão

Fusca 1600 – 1986: fonte Pastore

Interior bonito mas despojado

Fusca 1600 – 1986: fonte Pastore

As memórias que estes carros nos trazem não se perdem nunca, e isto é o que vale, se a gente pudesse guardar todos os nossos carros e visitá-los de vez em quando para recordar os bons momentos que passamos neles, o Fusca certamente seria o que mais receberia visitas. Eu tenho muitas recordações com ele, seja solteiro, com o Bege, seja casado, com o branco, foram muitas viagens e aventuras, e nada de reclamar de falta de espaço, colocava os dois filhos, esposa e bagagem e tocava ele na estrada pra ser feliz!

Está aí um recomeço com esta matéria, pare agora para refletir sobre o seu Fusca, e se você ainda não teve um, é tempo ainda, eles sempre vão estar te esperando, afinal, este é o antigo mais querido do Brasil! Ou seria do mundo?

Eu sou o Mauricio Super

…e sou da época do Fusca

Acompanhe-nos nas redes sociais:

CC BY-SA 4.0 Fusca – O antigo mais querido do Brasil by Baú dos Antigos is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.