Pç. Afonso Botelho Curitiba – Encontro semanal motos antigas

Pç. Afonso Botelho Curitiba – Encontro semanal motos antigas

classica, vintage, esportiva, perfeitaNa matéria de 10 de Outubro passado, sobre o Encontro de carros antigos da praça Afonso Botelho fiz a promessa de publicar uma matéria sobre o Encontro já tradicional de motos antigas que também ocorre ali. Promessa cumprida para a turma da moto!

E já começamos bem, com a imagem desta moto clássica com aparência totalmente retrô, perfeita em todos os detalhes e de estilo exclusivo. Estive lá neste Domingo que passou e encontrei uma enorme turma reunida, com motos de todos os estilos; mais diversificado, este Encontro tem motos clássicas, modernas, esportivas, pequenas e grandes, e muitas motos das décadas de 1970 a 1990. Este encontro nunca acabou nem esfriou como o Encontro dos carros antigos, pois as motos não precisam de muito espaço, e não necessitam fechar a rua para elas, ficam numa esquina, em cima da calçada na maioria, e se ajeitam por ali. 

maverick entre motos, muitas motos

Cheguei cedo e parei num local estratégico; elas foram chegando e cercando o carro dos dois lados.

muita gente prestigia o encontro

O clima ajudou com uma manhã de sol forte, que tirou as máquinas das garagens.

 
yamaha 125cc

 

motos com a cara do donoYamaha 125cc, pequenas e charmosas, conservadas impecáveis por décadas…

 

 

 

 

…e também as customizadas com o toque pessoal do dono.

 

 

gaiola com motor AP 1.8 Turbo

Olha esta moto! Ah, não é moto, é um Buggy, uma Gaiola, mas com jeitão de moto, só que de quatro rodas; mais liberdade que isso é impossível, e com a vantagem de que você não cai dele, rsrsrsr! Projeto bacana, que eu gostaria muito de conhecer mais à fundo! Vou atrás da informação!

CB750 Four - ronco poderoso e aparencia simples

Quem viveu na década de 1970 sabe o que representa esta CB750 Four para as nossas memórias! Ouvir passar uma destas roncando era o máximo de prazer e tentação, sonho realizado só pelos abonados. Ela surgiu no Japão, em Outubro de 1968. Na época, as motos de grande  porte custavam nos EUA entre US$ 2.800 a US$ 4.000. No início de 1969 ela foi anunciada durante a reunião de lançamento com um preço de varejo de U$1495. Muito barato para o padrão da época!

motos famosas e populares lado a lado local urbano para um encontro descolado olha a carinha invocada variedade de marcas e modelos

 

Motos bacanas na frente e atrás do Mavecko, um pássaro fora do ninho.

 

 

 

 

Local com estilo de liberdade, despojado e urbano! Ideal para quem usa a moto na vida real, não para enfeitar a garagem..

CB750 Four, mais um modelo diferente CB750 Four, cores e detalhes diferentes a cada ano Visão por inteiro da CB750 Four, moto perfeita linda combinação de cores, mais uma CB750 Four

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Olha só a CB750 Four da foto anterior, de novo! Negativo, é outra moto, repare no friso dourado em volta do preto do tanque, (direita, superior), e o desenho diferente com a marca Honda no preto. Detalhes de cada ano fazem a diferença e despertam o desejo. E mais outro modelo diferente, repare no friso dourado sobre o nome, ao invés de azul, como aquela! (esquerda, inferior). Dá para perceber a minha queda pelo modelo, não! Olha esta bordô, placa preta e à exemplo das demais, limpeza, cromados e tudo mais muito perfeito, à ponto de se espantar! Proprietários dedicados que merecem respeito pelo cuidado e entrega por deixar nos aproximarmos destes tesouros em movimento!

MV Agusta Rivale 800, agressividade e estilo

 

MV Agusta Rivale 800, marca que fala por si só, agressiva e de presença.

 

Que tal tirar um tempo para uma voltinha na DT200 do Kaverna, na companhia do Mauro, com a CB750 Four, adrenalina e aquele ronco…

Gostou? É essa a sensação que nos move para cima destas máquinas maravilhosas, onde sentimos ter controle total… mas cuidado, pega leve que tem gente em casa te esperando!

Aumente as imagens abaixo e curta mais um pouco do encontro:

galera ao fundo curtindo o encontro detalhe gaiola e Yamaha Vmax flagrante da frente do gaiola AP 1.8 Turbo

Detalhes do gaiola AP 1.8 Turbo, liberdade de moto; vou falar com o meu amigo Kaverna para conhecer melhor este projeto ousado.

RD 350, viuva negra cores chamativas CB750 Four pelo visor; estado de arte O clássico e o moderno lado a lado

 

 

 

 

Grandes e pequenas, clássicas e modernas, famosas e populares, todas são bem vindas.

 

 

CBX 750 Indy - serie especial detalhe CBX 750 Moto Guzzi modelo California customização na Yamaha RD 135

 

 

 

 

Nestas imagens, moto Guzzi Califónia preta, uma CBX750 bordô e uma Indy, série especial, cinza e preta… e uma Yamaha RD135 customizada!

 

bicicleta antiga com acessorios da epoca chevette tubarao entre as motos

 

 

 

 

 

Posso afirmar que é imperdível pegar um desses Domingos de Sol e passar lá olhar estas máquinas, pois seja qual for tua tribo, você vai encontrar uma piração. Finalizo a matéria mostrando esta bike das antigas, com seus acessórios de época, uma preciosidade que esteve lá também, e este Chevette Tubarão, para delírio da turma dos carros antigos. Neste Domingo ocorreu o Encontro Mensal do “Fiat 147 Clube” do outro lado da praça; mas esta é uma outra História que eu vou contar para vocês, aguardem!

Kaverna mecanica Kaverna e sua famosa DT200

Meu agradecimento mais sincero ao Kaverna, amizade que fiz ali mesmo, e que me ajudou a dar um toque pessoal e humano nesta matéria, pois de nada adiantaria estas máquinas sem pessoas por trás de tudo isso. Esta é a sua famosa DT200 do Canal do Youtube! Obrigado a todos que me acompanharam até aqui, e curtam a página que toda semana tem matéria boa…

Obrigado Kaverna, até breve!!!

Eu sou o 

Mauricio Super

 

CC BY-SA 4.0 Pç. Afonso Botelho Curitiba – Encontro semanal motos antigas by Baú dos Antigos is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

9 Responses so far.

  1. Alex Pacheco disse:

    Bacana a matéria, parabéns!
    Lembrando que esse local foi escolhido a dedo pelo nosso finado amigo Ubiratã Rios que é falecido a cerca de um ano.
    Na época que comessamos nos reunir nesse local ( 2007 ) estavamos orfãos de um local de encontro de antigas visto que eramos indesejados no encontro de carros antigos também nos domngos pela manhã no Largo da Ordem.
    Bira como era conhecido foi um amante das motos antigas, corredor tanto na categoria off road como nas pistas de velocidade; colecionou troféus e motos. Suas maiores conquistas são o tri- campeonato Brasileiro de pista de velocidade na categoria 350cc com uma Yamaha TZ250.
    Competiu fora e venceu uma corrida na Venezuela no campeonato Sul americano.
    Sua história mereceria uma matéria aqui pois ainda ninguém contou com detalhes
    Seu filho Tony guarda alem do macacão de pilotagem; uma pasta com farto material em recortes de jornal cuidadosamente guardado pelo nosso campeão relatando a sua carreira vitoriosa nas pistas de corridas de moto.
    Fica aqui a dica e se tiver interesse nessa sugestão de reportagem posso por em contato com a família. Um abraço

    • Boa tarde, Alex, para nós é uma grande satisfação receber um comentário destes, pois demonstra a confiança no nosso conteúdo e a seriedade com que abordamos o assunto da Cultura Antiga. Estamos nos empenhando para que cada vez mais pessoas conheçam o nosso passado e entendam a importância da memória de nossos antepassados para preservar e criar um País com identidade e consciente de seus feitos, não só de suas tragédias. Estamos interessados e muito nesta bela História que você me contou brevemente, pois eu não tinha conhecimento dela, e você sabe, a grande mídia é tendenciosa, e quer que saibamos apenas o que interessa para manter o controle das massas. Ficaríamos muito felizes em ter a oportunidade de fazer esta matéria, com a orientação dos familiares e amigos para que a memória do Ubiratã Rios seja respeitada e contada aqui de uma maneira que ele ficasse orgulhoso e feliz! Agradeço e faremos contato contigo para combinar os detalhes. Old Abraço

  2. Marcelo Soffiatti. disse:

    Parabéns pela matéria! Fico muito feliz ao ver nossas motos antigas preservadas contando um pouco da história do motociclismo no Brasil. Sou o proprietário da cbx 750 indy 1990 que aparece nas fotos.
    Nos reunimos todos os domingos lá na praça do estádio do atlético, independente de ter moto ou não, todos estão convidados a conhecer essas raridades que contam a evolução das motos.
    Abraços.

    • Olá, Marcelo, tenho um grande prazer em mostrar o que é bom! Neste dia, fiquei perdido entre tantas motos perfeitas, mesmo com o passar dos anos! Mas, lógico, temos nossas preferidas, e não dá pra negar, e as 7 galo estão no topo da minha lista, junto com as 750 da década de 1970. Quando lançaram a Indy fiquei enlouquecido, mas não tive oportunidade de ter uma, ficou na vontade. Tua moto é maravilhosa, quem dera um dia fazer um ensaio com ela, contar a História e fazer uma matéria especial sobre as 7 galo. Parabéns e nos vemos em breve, a Praça do atlético é o meu reduto dos Domingos também. Obrigado pela participação e continue conosco, em breve terá a parte II do encontro, com novas fotos daquele mesmo dia. Abração

  3. […] que nos deu tanto orgulho, mas que a memória não reservou destaque. Quando fiz a matéria sobre o Encontro de Motos da Praça do Atlético, em Curitiba, o Alex fez um comentário sobre o amigo Ubiratan Rios, lembrando-nos que foi ele […]

  4. […] Domingos vou à Pç do Atlético, e lá está o pessoal das motos.  (veja a matéria sobre o encontro) E foi lá que flagrei 2 Indy maravilhosas, uma azul com tons de cinza, que abriu a matéria, e […]

  5. Roberto Gusso disse:

    Estamos precisando de pessoas como você. Bela reportagem . E apoisonado por 750 FOOR.

    • Opa, certamente, Roberto! Quer saber o que eu acho, só não é apaixonado por um 750 Four quem não conhece direito!! Se você vê uma dessas de perto, escuta aquele ronco de “Four” inconfundível, grave e compassado, esbanjando estilo e qualidade, não tem como não admirar!! Elas fazem parte de nossos sonhos de infância! Mas aguarde, vou voltar ao assunto das CBs 750 muito breve!
      Obrigado pela participação, curta a página, inscreva-se no Newsletter e continue acompanhando a gente!

  6. […] de Domingos da Praça Afonso Botelho, encontro que já dediquei uma matéria especial aqui no Baú. Confira a matéria se quiser saber mais detalhes do […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *