Viajante do tempo-Cap V: O país em glória!

Viajante do tempo-Cap V: O país em glória!

Olá, viajante do tempo, estamos no Rio de Janeiro desta feita… mas existe um bom motivo para este texto estar verde e amarelo? É o que vou contar pra você que se orgulha em ser brasileiro, então me acompanhe e curta com paixão esta nova viagem no tempo!

“The Time Machine”, filme de H.G. Wells, de 1960

Vamos de imediato ao assunto, mostrando o que eu vi na televisão, noticiado pela Agência Nacional, que era a agencia oficial de notícias brasileira. Olha a chegada do Brasil de volta da Suécia, com a taça nas mãos:

 

Estamos sempre voltando no tempo, em nossa “Time Machine”, para mostrar a cada capítulo algo de histórico em nossa trajetória por este planeta. Há quem defenda a teoria de que o tempo não existe, e que trata-se de uma criação humana, então os fatos estão todos impressos no mesmo plano, e assim podemos resgatá-los e mostrar para você. Será?? Mas continuo a minha viagem no tempo, agora em 1958, no final de Junho, comemorando este primeiro título da Seleção Brasileira. Nossa história revela grandes vitórias, embora tenhamos a tendência de nos achar perdedores, pois damos mais peso às derrotas, esquecendo as glórias do passado. Pelas casas e estabelecimentos vemos posteres estampados pelas paredes e pessoas sorrindo e pulando, foguetes pipocando e buzinaços pelas ruas. Festa como não se verá jamais!

Time Campeão do Mundo de 1958 - Pelé ao centro

Time Campeão do Mundo de 1958 – Pelé ao centro

Poster oficial da Copa

Poster oficial da Copa

Esta foi a sexta edição da Copa do Mundo, e foi sediada na Suécia, com a participação de 16 seleções mundiais, sendo 12 delas europeias e 4 americanas, entre elas o Brasil e a Argentina. O Brasil derrotou a Suécia na final por 5X2 e garantiu a taça com folga, para o delírio do povo. Fiquei sabendo por aqui de algumas curiosidades sobre esta Copa do Mundo, como por exemplo, que o Brasil esqueceu de mandar para a FIFA a numeração dos jogadores e que a entidade precisou definir esta numeração, e que a camisa 10 do então reserva Pelé, que foi eternizada até os dias atuais, foi por obra do acaso. Também Pelé se tornou o mais jovem jogador a marcar um gol na Copa do Mundo quando balançou a rede na partida contra País de Gales, com 17 anos. Pelé também é o mais jovem jogador a ser campeão do mundo.

Belini ergue a taça de 1958

Belini ergue a taça do mundo de 1958

Taça Jules Rimet

Taça Jules Rimet

Outra grande curiosidade se refere à taça que Belini está levantando. Você sabe qual é ela? É a taça Jules Rimet, que tem uma história pra lá de interessante, ou podemos dizer cômica. O oferecimento de uma taça como recompensa pela conquista da primeira Copa do Mundo de Futebol foi proposto no Congresso da FIFA, ocorrido em 1928 pelo seu Comitê Executivo. O então presidente da Federação, Jules Rimet, ordenou que fosse feito um troféu, em ouro, ficando pronto em 1929. Por sugestão de seu idealizador, a posse definitiva do troféu ficaria com o país que conseguisse vencer um total de três edições da Copa. Um novo congresso da entidade, realizado em Luxemburgo, em 1946, decidiu que o nome da taça homenagearia seu idealizador, passando desde então a chamar-se Taça Jules Rimet. Esta é a história da taça. E a curiosidade? Nós, brasileiros, conseguimos sumir com ela, pois por um descuido, pra não dizer burrice, a réplica foi guardada a sete chaves e a original foi roubada e derretida. Cômico não? Claro que não, estamos acostumados com estas trapalhadas históricas!

Até a próxima, e  quem sabe onde esta máquina maluca vai me levar… só o que eu sei é que está indo cada vez mais para o passado distante. Então, até breve com novas surpresas!

Fique conosco, curta a página do Baú e acompanhe as notícias do viajante do tempo, para saber mais desta odisseia humana…

Turma de 1958

Turma de 1958

Eu sou o Mauricio Super

Acompanhando o viajante do tempo

 

Acompanhe a gente nas redes sociais, olha as opções:

 

 

CC BY-SA 4.0 Viajante do tempo-Cap V: O país em glória! by Baú dos Antigos is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *